4.8.15

Capital Mineira sediará lançamento de livro sobre prazeres poéticos

Nascida em Minas Gerais a jovem Susan Godinho lançará no Dia Nacional da Visibilidade Lésbica, seu primeiro livro intitulado Decifrável.

lançamento livro decifrável

A obra descrita como “prazeres poéticos”, trata-se de um livro intimista em que as dores e amores se desdobram ao longo de uma trajetória que vai além da sensualidade, levando o leitor ao encontro de novas sensações destiladas em versos que realçam os sabores e delicias em ser mulher e amar sua semelhante, de forma intensa e arrebatadora.

A equipe do DoMiNiO traz com exclusividade uma entrevista em que a autora fala um pouco deste livro e sua trajetória.

DoMiNiO - Decifrável é seu primeiro livro publicado?
Susan - Sim.  Por ser o primeiro acredito que essa sensação de frio na barriga deve ser normal. rsrs

DoMiNiO - Quando o livro começou a nascer?
Susan - O livro começou a nascer de uma paixão.  Vejo a escrita como uma paixão avassaladora seja ela tortuosa ou não.

DoMiNiO - Quando você decidiu que este era um livro que valia a pena ser publicado?
Susan - Não decidi.  Segui os conselhos de algumas amigas que liam meus materiais com regularidade e sempre apoiaram quanto a continuar a escrever e sobre o potencial para publicação. Confesso que tive medo e ainda tenho, porém, acordei um dia entusiasmada a ouvi-las e aqui estou eu, publicando-o.

DoMiNiO - Susan, apesar de Decifrável ser seu primeiro livro publicado, você já escreve há mais tempo?
Susan - Escrevo o tempo inteiro mesmo quando não passo para o papel, escrevo mentalmente. Quando adolescente comecei a escrever cartas para amigos, uma forma que arranjei para expressar melhor meus sentimentos, e a partir daí não parei mais. Depois escrevia pra mim mesma e logo comecei a escrever versos quando dei por mim comecei formar meus primeiros poemas.

DoMiNiO – Em qual momento a poesia entrou na sua vida?
Susan - Exatamente não sei dizer.  Mas acredito quer ter aproximado mais das palavras mais no ensino médio, onde as emoções começam a acontecer, as amizades tornam-se realmente importantes e significativas e estabelecemos conexões que fazem sentidos com os livros da biblioteca.

DoMiNiO - Quais as dificuldades encontradas para publicar o primeiro livro?
Susan - Primeiramente é encontrar uma editora que publique o gênero que você escreve. Tem que procurar as editoras, saber os gêneros que elas publicam depois procurar saber, como elas recebem o original, esperar as respostas, que podem demorar, responder questionários intermináveis. Cada uma segue um padrão próprio não há uma regra. O mais complicado mesmo é a parte financeira, quanto o autor pode investir.

DoMiNiO - Romancistas e poetas geralmente têm suas musas inspiradoras na hora de compor sua obra, você segue a regra, ou é uma exceção?
Susan - Porque eu seria uma exceção? Também, não acredito que seja uma regra, vejo como algo natural.

DoMiNiO - É notório que seus poemas falam de amor, desejo e paixão direcionados a mulheres. Em algum momento você teve medo de levá-los ao público por ele ser abertamente feito para elas?
Susan - Por incrível que pareça não. O público hoje é muito variado e quantas leituras podem ser feitas sobre uma poesia? Diversas. Preconceito sempre acontecerá por aí na literatura não será diferente.

DoMiNiO - Você acredita que exista alguma importância política em ser mulher e escrever sobre e para mulheres?
Susan - Infelizmente a mulher é um ser inferiorizado humanamente o que dirá politicamente. Tudo que uma mulher faz é importante e deve ser celebrado é uma conquista. Muita arte foi perdida no passado ou foi renomeada por artistas masculinos, pois as mulheres não podiam aparecer, era simplesmente inconcebível. Hoje a mulher, canta, dança, escreve, pinta, trabalha, faz e acontece para qualquer público ou pra ela mesma. A mulher está lutando pela própria liberdade e pela liberdade das suas iguais.

DoMiNiO - Durante a criação desta obra você se inspirou alguma autora, qual (ais)?
Susan - Talvez. Todos somos a junção de outrem. Li diversas obras, de vários autores, possivelmente eu seja a mistura de todos eles.

DoMiNiO - Você acredita que a literatura lésbica vem sido negligenciada pela sociedade, e que as autoras mulheres, principalmente as lésbicas passam despercebidas no mercado editorial?
Susan - Não sei dizer sobre isso.  Vejo que a cultura tem sido negligenciada de uma maneira geral por todos com essa modernidade eletrônica com a informação ao alcance de todos com um clique. É de certo que há sim um preconceito sobre toda a comunidade homossexual e o nosso país vem batendo recordes vergonhosos quanto a isso, infelizmente. Podemos reverter esse quadro, assim como eu estou vivendo esse sonho de publicar meu primeiro livro, outras mulheres também podem mostrar suas obras às outras pessoas, basta correr atrás e não ter medo das respostas, na vida tudo que vem fácil também se vai fácil.

DoMiNiO - Qual a importância que Decifrável tem para você?
Susan - Decifrável é um pedaço grande de mim. Pedaços que se foram pedaços que ainda estão indo. É indescritível pegar um livro e ler seu nome na capa. É lindo!

DoMiNiO - Você continua a escrever poesia com freqüência?Pretende publicar outros livros posteriormente?
Susan - Continuo, tenho uns períodos de seca, mas sempre volto a escrever. Pretendo sim publicar outros porque não? Mas por hora, esse está ótimo, vamos ver como os leitores vão reagir a essa visão da mulher.

Quem estiver em BH no dia 29 de agosto, poderá participar do lançamento gratuito além de poder adquirir o livro autografado pela autora.

Maiores informações no site do SESC/MG.

* Este texto faz parte da programação de posts do DoMiNiO PeSsOaL sobre o Mês da Visibilidade Lésbica.


Avalie este artigo


5 comentários :

  1. Foi um prazer participar desta entrevista para o DOMíNIO PESSOAL!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O prazer foi todo nossa em entrevista-la!

      Excluir
  2. Sem sombra de dúvidas Decifrável será um sucesso absoluto levando em consideração a autora Susan Godinho.

    ResponderExcluir
  3. Sem sombra de dúvidas Decifrável será um sucesso absoluto levando em consideração a autora Susan Godinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordamos plenamente com você Rafael!

      Excluir

Atenção: Você não precisa realizar login para comentar, basta escolher a opção anônimo em ''comentar como''.