25.8.15

Cate Blanchett viverá relacionamento lésbico em novo filme de Todd Haynes

Dois anos após Azul é a Cor Mais Quente ter seduzido o júri de Cannes, o novo filme dobre o amor entre duas mulheres, estrelado por Cate Blanchett e Rooney Mara, promete ser o novo queridinho do festival.

Cate Blanchett lesbian

Em "Carol", adaptado do romance de Patricia Highsmith (1952), escrito sob um pseudônimo sobre um tema muito ousado para a época, Cate Blanchett interpreta o personagem de Carol Aird, uma mãe dedicada que se vê aprisionada em um casamento sem amor ao lado de um homem, o qual está se divorciando.

A história ganha intensidade quando Carol conhece a aspirante a fotógrafa Therese, que se pergunta sobre sua vida e sua relação com o namorado. A atração entre as duas ocorre na primeira troca intensa de olhar na loja onde Therese trabalha.

A partir desta conexão imediata, as duas começam a desenvolver um caso amoroso, que terá de romper com todos os obstáculos da sociedade dos anos 50 que não toleravam o amor entre mulheres, além das barreiras geradas a partir da vida conservadora que Carol vive em seu ambiente familiar.

A crítica tem sido positiva em relação à dupla de atrizes, especialmente quanto à interpretação de Cate Blanchett em seu papel de burguesa segura de si mesma e revelando suas fraquezas, a beleza fatal perfeita.

A revista americana Variety elogiou a "performance brilhante" das atrizes em um filme "de grande refinamento", ressaltando, em particular, a interpretação "brilhante" de Cate Blanchett.

Para o jornal britânico "The Guardian", Cate Blanchett "cativa" num filme "belo" e "extremamente inteligente", enquanto para o site americano especializado Indiewire o filme é uma "obra-prima".

Deu gostinho de quero mais não é mesmo? Infelizmente a estréia mundial está prevista para dezembro de 2015, mas enquanto o filme não chega à telona, vocês já podem ir se apaixonando pelo trailer do filme.



Avalie este artigo


Postar um comentário

Atenção: Você não precisa realizar login para comentar, basta escolher a opção anônimo em ''comentar como''.