13.10.15

Jessica Jones. Ou o porquê de estarmos ansiosas pelo dia 20 de novembro

Lembram quando anunciamos o possível romance lésbico na série Jessica Jones, fruto da parceria da Marvel com a Netflix?


O primeiro vídeo de divulgação do seriado que conta a história da ex - super heroína que se torna detetive particular já foi divulgado, e como é de costume da Netflix produzir aberturas espetaculares para suas séries podemos dizer que Jessica Jones, não deixou nada a desejar.

A notícia boa é que os 13 episódios da primeira temporada da série serão lançados todos de uma só vez, no dia 20 de novembro, e contarão a história da personagem no título, que tenta construir uma carreira como detetive particular em Nova Iorque após um breve período como super-heroína.

Além de contar com a linda Carrie Anne Moss, a Trinity de Matrix, interpretando uma mulher poderosa e lésbica que terá um interesse romântico - e não terá sua sexualidade apagada como outras personagens no universo Marvel, a nova série da Netflix terá uma mulher e super-heroína protagonizando sua própria série, o que também é um marco no mundo dos quadrinhos e séries que são adaptáveis destes, visto que a maior parte das histórias contadas trata-se de histórias sobre os super-heróis, e as mulheres (heroínas ou não) tratadas apenas como seus pares ou sub - personagens.

Então, alguém mais esta contando os segundos para a grande estréia?



Avalie este artigo


Postar um comentário

Atenção: Você não precisa realizar login para comentar, basta escolher a opção anônimo em ''comentar como''.