20.10.15

O Outubro Rosa também é lésbico

Muitas de vocês já sabem que Outubro é Rosa, devido à cor do laço que simboliza mundialmente a luta contra o câncer de mama, estimulando a participação da população, empresas e entidades a promoverem ações que deem visibilidade e apoio à causa.

Outubro Rosa

Apesar de este ser um assunto pouco pautado no meio lésbico, ele nos diz respeito enquanto 99% dos casos afetam mulheres e nós podemos facilmente nos enquadrar nos quadros de risco da doença. Ser lésbica ou bissexual não influencia diretamente para se “adquirir” câncer de mama, no entanto, existem fatores de riscos que prevalecem particularmente em mulheres que amam mulheres. Portanto faz-se necessário conhecer os sintomas, saber fazer o auto-exame e estar muito bem inteirada no assunto.


Alguns estudos têm demonstrado que mulheres lésbicas são mais relutantes em realizar regularmente o auto-exame, levando-as a descobrir tardiamente o câncer dificultando ainda mais o tratamento. Além disto, segundo a cartilha de saúde “Laços e Acasos”, criada pelo Grupo Arco – Iris, estas mulheres tendem a fazer um maior consumo de álcool e tabaco, muitas vezes também sofrem de sobrepeso,propiciando o desenvolvimento de câncer de mama e do colo de útero.

Conheça os fatores de riscos para o desenvolvimento de câncer de mama:

- Ser mulher, especialmente se tem mais de 50 anos de idade;
- Ter histórico de casos de câncer de mama em sua família;
- Não ter engravidado ou ter parido depois dos 30 anos de idade;
- Ocorrência da primeira menstruação antes dos 12 anos;
- Entrar na menopausa depois dos 52 anos;
- Tomar hormônios durante vários anos depois de já ter passado pela menopausa;
- Consumir muita bebida alcoólica;
- Ter um estilo de vida sedentário.

Mas Lembre-se! O câncer de mama também afeta mulheres que não estão inseridas em nenhum fator de risco. Assim como, ter uma ou mais dessas predisposições não significa que você necessariamente desenvolverá um câncer.

Ao realizar o auto-exame e identificar alguma anormalidade, não entre em pânico. Procure um médico, lembrando-se que o auto-exame propiciará a detectar um possível câncer de mama de modo precoce, aumentando substancialmente suas chances de cura, além de ter a grande possibilidade de uma cirurgia de menor porte para combatê-lo.


Cuide-se! Faça do auto-exame uma rotina. Afinal, o cuidado com sua saúde é um grande ato de amor, de valorização e respeito para com seu corpo, sua saúde e sua própria vida.

Assista ao vídeo e aprenda a fazer o auto-exame:



Avalie este artigo


2 comentários :

  1. Saudades que nao tem mais tamanho... me procura. bjs da...

    ResponderExcluir
  2. Adoraríamos te procurar,mas a mensagem está anônima...

    ResponderExcluir

Atenção: Você não precisa realizar login para comentar, basta escolher a opção anônimo em ''comentar como''.