8.1.16

Por um black bonito e sem crueldade

Toda mulher que decidiu não mais usar química para alterar a estrutura de seu cabelo e encaixar-se ao padrão de beleza eurocêntrico, sabe muito bem a libertação que foi ter assumido a real estrutura de seus fios e aprender a amá-lo. 


Passar pela transição capilar é complicado e muito difícil mesmo sabendo que o resultado final compensa as horas gastas para lidar com as duas texturas no cabelo durante este período. Entretanto essa dificuldade não se compara ao sofrimento que é ferir o couro cabeludo com produtos químicos que prometiam deixar os cabelos lisos e sedosos, ou agüentar as queimadinhas da prancha e secador em busca de fios retilíneos e sem frizz.

Mas agora que você assumiu seu lindo cabelo crespo/cacheado não precisa se preocupar mais com o sofrimento e crueldade causados pela indústria cosmética, não é mesmo? Bom, não totalmente... Você pode ter se livrado desses produtos que não faziam nada além de destruir seus fios, couro cabeludo e perpetuar a idéia racista de que só cabelos lisos são bonitos, mas será que aquela máscara de tratamento maravilhosa pro seu Black não esta sendo péssima com os animais?

Sim, infelizmente aquela marca que você considera ótima para o seu cabelo pode ser a vilã da história, se estiver testando seus cosméticos em animais. Ao contrario do que muitas pessoas pensam, animais respondem do mesmo modo que seres humanos quando expostos às mesmas substâncias, ou seja, aquele simples shampoo que você usa em seu cabelo pode cegar, causar doenças de pele e até matar um animal indefeso. E você não acha isso correto não é mesmo?

Mas calma, que esse texto não é para colocar fotos chocantes de bichinhos fofos machucados, ou para fazer terror psicológico e te “obrigar” a virar uma vegana. Resolvemos escrevê-lo para conscientizá-las de que infelizmente existem marcas que desenvolvem produtos ótimos para cuidar de nossos cachinhos, mas que fazem testes em animais, entretanto podemos abrir mão deles e descobrir inúmeras opções de cosméticos #crueltyfree (sem crueldade aos animais),que serão tão bons quanto os que você utiliza.

Para te ajudar nessa mudança de hábito, separamos cinco marcas #crueltyfree que adoramos.

1) Kanechom

Existe muito preconceito em cima dessa marca, por ser tão barata a ponto das pessoas acreditarem que ela não é boa, exatamente pelo preço, mas saiba que além de #crueltyfree, Kanechom é aquele tipo de marca que fabrica produtos BB (bom e barato).

2) Yamá

Toda crespa/cacheada ama o Yamasterol não é mesmo. Produto bom, barato e que pode ser usado como finalizador, hidratante e até mesmo para substituir o shampoo. Pois é, esse queridinho é fabricado pela Yamá,que além de ser #crueltyfree,produz produtos de ótima qualidade.

3) Cadiveu

Difícil escolher um só produto dessa marca, além de desenvolver cosméticos de ótima qualidade, não testar em animas a Cadiveu ainda contribui para a redução de resíduos e possui embalagem 100% recicláveis. Muito amor não é mesmo?

4) Bioextratus

Marca 100% brasileira que desenvolve todos os seus produtos sem testar em um animalzinho sequer. Além disso, possui uma Fundação no Estado de Minas Gerais dedicada a educação musical e expressão corporal. Ahhh e ainda possui uma linha exclusiva para as adeptas das técnicas No Pow e Low Poo.

5) Surya

Os produtos da Surya são livres de diversas substâncias químicas agressivas encontradas com freqüência em diversas marcas por aí. Os produtos são 100% orgânicos e veganos, te possibilitando ficar ainda mais linda, sem contribuir para exploração animal.

Não temos a mínima pretensão de te fazer sentir a pior pessoa do mundo por usar um shampoo da Seda, por exemplo. Nossa única intenção é te apresentar um monte de marcas legais que além de fazerem bem para seus cabelos, não maltratam os animais, e lhe dizer que você tem o poder de escolha.

Ah e lembre-se que a melhor forma de ser #crueltyfree, é totalmente barata e pode ser feita em casa: Receitinhas caseiras! Sim, elas são a melhor e mais barata solução para cuidar da beleza e não maltratar o meio ambiente ou os animais.

E agora as listas oficiais do PETA e PEA das marcas que testam e as que não testa em animais.

Testam em animais: Aqui
Não testam em animais: Aqui
Empresas nacionais que testam em animais: Aqui


Avalie este artigo


Postar um comentário

Atenção: Você não precisa realizar login para comentar, basta escolher a opção anônimo em ''comentar como''.