16.8.16

Rainy Day: Um jogo sobre ansiedade e depressão

Está chovendo hoje.

Eu acho que...

                    Vou ficar em casa
                    Vou para o trabalho
                    E daí?


Parece ser simples escolher dentre as opções acima, mas para pessoas que sofrem de ansiedade e depressão, escolhas corriqueiras do dia a dia podem ser um grande tormento. A game designer Thais Weiller criou o Rainy Day, um adventure de escolhas para quem sofre de depressão e ansiedade.

A depressão é considerada a doença mais “incapacitante” de todas, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). A doença é silenciosa, e atinge várias mulheres lésbicas que tem que sobreviver ao machismo e lesbofobia diariamente, inclusive muitas vezes somada a opressões de raça e classe.

A temática de Rainy Day ilustra como a ansiedade e a depressão podem impedir alguém de ter uma vida feliz e é extremamente importante na sociedade contemporânea. O game nos ajuda a ter uma ideia de como é sufocante a rotina de uma pessoa ansiosa, conforme ela vai tentando realizar tarefas pequenas as palavras vão ficando cada vez mais borradas dificultando a leitura e fazendo com que o personagem aja de alguma forma. Mas, lidando com a incapacidade física e mental que a depressão e ansiedade exercem sobre quem as tem.

O game é baseado a partir de vivências pessoais da própria Thais que estava passando por dias difíceis quando decidiu criar um jogo online que pudesse retratar justamente esse momento da sua vida. Com ilustrações de Amora Bettany o jogo proporciona a jogadora o direito de escolher as as próximas ações de uma personagem deprimida. São movimentos simples, como decidir entre ficar mais um tempo deitada ou tomar um café, que mostram como algo aparentemente fácil como levantar da cama pode ser uma tarefa complicada para quem está com depressão.

Ao final do jogo, Thais deixa uma mensagem muito importante.

“Ansiedade é um assunto sério. O jogo tem como objetivo ilustrar como a ansiedade pode entrar na frente de uma vida feliz. Se você lida com problemas similares aos da protagonista, não diminua a importância deles e, por favor, fale com alguém sobre isso.”

Ficou curiosa sobre este jogo?

Jogue GRATUITAMENTE, basta clicar AQUI.


Avalie este artigo


Postar um comentário

Atenção: Você não precisa realizar login para comentar, basta escolher a opção anônimo em ''comentar como''.